Tuesday 27 November 2012

A culpa é do vapor...

Depois de 2011 ter sido um ano repleto de actividade no Cantos Quebrados, o ano que se seguiu foi um deserto de posts, artigos e eu desapareci durante meses e meses sem fim...

Com este post pretendo dar a conhecer a quem me acompanhou por aqui, as coisas que fui fazendo ao longo destes meses de silêncio. 


Já aqui falei no início do ano da Euro Steam Con e da Clockwork Portugal. Agora com as festividades terminadas (nesta edição de 2012) e já com as engrenagens a rolar para o próximo ano, e inspirada pelos posts da Sofia Romualdo e do André Nóbrega decidi também eu fazer um pequeno balanço pessoal de um projecto que juntou pessoas, consolidou ligações e abriu novos horizontes para todos os envolvidos.

Como já foi referido um pouco por todo o lado (inclusive nos textos de divulgação, participações em Revistas, Zines e Con Reports) tudo começou em Fevereiro... um mês super normal, vulgar (tirando o facto de ter menos de 30 dias). Uma pessoa amiga mandou-me um tweet com o link para a Euro Steam Con, nesse momento perdi o juízo e enviei um email a candidatar a cidade do Porto para ser um dos pólos da ambiciosa Convenção Europeia de Steampunk. Quase de imediato e mal partilho a loucura em que estava prestes a embarcar, a Sofia Romualdo também ela num momento de loucura (penso eu, pois só isso se justifica ela ter-se juntado a esta loucura ^^) se junta a mim e os jogos começaram... de um encontro para tomar ou não chá e falar de livros steampunk surgiram mil ideias que tratamos de pôr em prática o mais rápido possível.

Surge assim a ideia de uma publicação periódica (o futuro Almanaque Steampunk), uma Convenção a sério (com os dois dias repletos de actividades e muito vapor) e a criação de um site/comunidade para podermos divulgar melhor, tanto as actividades que andávamos a conspirar como o próprio steampunk em Portugal.

Assim nasce a Clockwork Portugal no final de Fevereiro.


E como ainda sentimos que faltava qualquer coisa, eu e a Sofia criamos os Diários Steampunk e começamos a trabalhar para os trazer à vida no Youtube da "recém-nascida" Clockwork Portugal.


O nascimento dos Diários Steampunk coincide também com a entrada do André Nóbrega e do Rogério Ribeiro na equipa, com eles trouxeram o espírito crítico e no caso do Rogério os contactos e a experiência de quem já organiza eventos como o Fórum Fantástico e o Conversas imaginárias para uma equipa de quase-novatos por estas andanças.

Se o projecto já era ambicioso quando apenas eramos duas pessoas, imaginem quatro amantes de steampunk... agora imaginem quando se junta ao grupo uma designer talentosa como a Joana Maltez. Imparáveis :) 


Primeira surpresa do projecto, a quantidade e qualidade das submissões... segunda surpresa as pessoa que submetiam trabalhos para o Almanaque e terceira surpresa (e sem dúvida alguma a melhor de todas) o resultado final:


Outra surpresa, a quantidade de pessoas que rumou ao Parnaso durante a Euro Steam Con - Porto, o número de pessoas que vieram trajadas a rigor e a simpatia de todos quantos abordavam a equipa e os voluntários fabulosos a dar os parabéns por tudo...


 Recebemos também umas quantas ameaças... em baixo transcrevo a mais frequente:

"Ai de fazerem a Euro Steam Con, noutro sítio que não o Porto!", muitas vezes esta ameaça era acompanhada de apontar de dedos de forma bastante ameaçadora ou o brandir de espadas gigantes ^^

Depois, para os steampunk e não só que não puderam rumar a Norte a Clockwork Portugal e a sua brava equipa invadiu o Fórum Fantástico e deslumbrou a todos (espero eu bem que sim ^^ pelo menos divertimo-nos a valer, com as nossas fatiotas a rigor!).

Se nós equipa pensamos em tirar umas férias para descansar depois da Euro Steam Con, não poderíamos estar mais enganados... Mas não fiquem com a ideia que me queixo, ou que de alguma forma não gostei desta espiral de actividade e movimento.

Para mim, que estou a passar por uma fase deveras atribulada, as amizades construídas e reforçadas por este projecto, as palavras de simpatia e encorajamento face a este ou aquele percalço no projecto, foram quase uma tábua de calmaria à qual me pude agarrar  e aproveitar uma das viagens mais interessantes dos últimos tempos para mim.

Depois deste enorme testamento, tentando compensar os meses de silêncio (e possivelmente já muitos desistiram a meio), só me resta mesmo dizer/prometer/ameaçar: Para o ano há mais steampunk... maior, melhor e mais vaporoso ainda.

Wednesday 23 May 2012

Towel Day

Mas o que é o Towel Day? Perguntam-se vocês... e aqui vai a resposta.


O Towel Day é celebrado todos os anos a 25 de Maio.

Tudo começou em 2001, após a morte prematura, no dia 11 de Maio, de Douglas Adams o criador do universo Hitchickers Guide to the Galaxy.

A 14 de Maio, como uma homenagem ao génio criativo de Adams, o apelo foi feito no fórum Binary Freedom, eis o post que deu início a tudo:
Towel Day: Um tributo a Douglas Adams
Segunda 14 de Maio 2001

Douglas Adams será lembrado pelos seus fãs espalhados por todo o mundo. Para que todos possam prestar tributo ao seu génio, proponho que duas semanas após a sua morte (25 de Maio) seja instituído o "Towel Day". Todos os fãs de Douglas Adams são convidados a carregar consigo uma toalha durante o dia.

Até sempre Douglas, e "thanks for all the fish"!

– D Clyde Williamson, 2001-05-14

Douglas Noel Adams foi um escritor e dramaturgo inglês. O seu trabalho mais conhecido é sem dúvida o universo do The Hitchhiker's Guide to the Galaxy, que começou em 1978, na rádio da BBC.

Ele escreveu uma série de programas de rádio, peças de teatro e alguns argumentos para televisão, incluindo três aventuras para o Doctor Who.

A morte de Adams, num ginásio privado em Montecito, Califórnia, aos 49 anos foi um choque para fãs, amigos e toda a comunidade hitchhicker galáctica...

Cada um de nós pode ajudar espalhado a palavra. No Twitter usando a tag #towelday, em blogs, posts em fóruns, e partilhar um link no Facebook, p.e.

Orgulhosamente mostremos ao mundo o quão intensamente vivemos o Towel Day! Façam upload das vossas fotos no Flickr (com a tag "towelday"), um vídeo no YouTube. E juntem-se ao Flickr Towel Day group.

E lembrem-se, peguem na vossa toalha, juntem-se a milhares de pessoas um pouco por todo o mundo e Don't Panic

Para saber mais sobre as celebrações em cada um dos países envolvidos visitem a página oficial.

Monday 7 May 2012

Parabéns ao Cantos Quebrados


E num instante se passaram dois aninhos desde que montei este cantinho.

Foram dois anos repletos de aventuras, novas amizades, centenas de livros e outros tantos filmes e séries.

Sei que ultimamente tenho andado um tanto ao quanto desaparecida, mas como já sabem este ano começo uma nova aventura: a Euro Steam Con e a criação de uma Comunidade steampunk activa, a Clockwork Portugal, neste nosso cantinho à beira mar plantado.

Entretanto surpresas esperam neste mês de Maio. ;)

Monday 23 April 2012

In My Mailbox (10)

Este mês a minha caixa de correio não teve descanso (sublinho, é a caixa do mês :P). 

Além da minha encomenda mensal habitual, chegaram também os livrinhos da Elizabeth Hoyt que encomendei há uns meses atrás para aproveitar o super preço (cerca de 2 euros cada, contra os 4 euros que passariam a custar após o lançamento).



E para terminar, chegou este mês a minha Golden Snitch! (*.*) Linda não é?

E vocês o que tiveram nas vossas caixas do correio este mês?

Wednesday 18 April 2012

George R.R. Martin has landed!


E pronto aqueles dias que já há uns tempos todos desejávamos que chegassem, estão aqui!! George R.R. Martin já está em Portugal e no próximo dia 20 de Abril pelas 19h estará na Cidade Invicta, no Norteshopping!

Lembrem-se que a sessão de autógrafos tem regras: dois livros por pessoa, e os livros têm de ser as Edições da Saída de Emergência (que é a promotora de toda a visita - logo totalmente compreensível o porquê de só serem permitidos livros em português publicados por eles.

Eu estarei por lá e vocês?

Monday 16 April 2012

Feiras do Livro 2012

82ª Feira do Livro de Lisboa
 
A Feira do Livro de Lisboa será entre 24 de abril e 13 de maio de 2012, e uma vez mais estará no Parque Eduardo VII.  

Este ano estarei por Lisboa para visitar a Feira da Capital pela primeira vez.

82ª Feira do Livro do Porto
A Ferira do Livro do Porto será entre 31 de maio e 17 de junho de 2012, e será também no sítio que a acolheu nos últimos anos, a Avenida dos Aliados.

Deixo aqui um convite a todos, a visitarem a nossa Feira do Livro e claro aproveitarem para conhecer a cidade Invicta!

Fonte: Link

Friday 13 April 2012

The Casual Vacancy

(Página Oficial)

The Casual Vacancy

Little, Brown a nova editora de J.K. Rowling anunciou nestes últimos dias detalhes do novo livro da autora, incluindo sinopse e data de lançamento.

Quando Barry Fairweather morre de forma inesperada aos quarenta anos, a pequena cidade de Pagford fica em choque com a notícia.

Aparentemente uma típica cidadezinha inglesa, com um Mercado andtigo e a própria Igreja, o que se esconde por trás de todas as aparências idílicas é uma cidade em estado de guerra. Ricos contra pobres, adolescentes rebelam-se contra os pais, esposas em pé de guerra com os maridos e uma guerrilha entre professores e estudantes que não parece ter fim à vista... as aparências enganam em Pagford.

Agora o lugar à frente do Conselho Municipal, deixado vago pela morte prematura de Barry, é o catalisador para a maior "batalha" que Pagford algum dia assistiu. Quem irá triunfar nesta eleição recheada de intriga, emoções ao rubro e revelações inesperadas?

Este novo livro de Rowling promete uma boa dose de humor negro, The Casual Vacancy é o primeiro livro para um público adulto da autora J.K. Rowling (na minha opinião, penso que a autora está a tentar manter captivos os fãs da série que cresceram com Harry, Hermione e Ron).

A data de publicação do novo livro está prevista para dia 27 de Setembro de 2012 (com lançamento simultâneo em todo o mundo). O lançamento é bem mais cedo do que todos esperavam, bom trabalho!

Agora a questão que fica no ar é qual será a editora que trará até ao público português mais um livro de J. K. Rowling?

Fonte: Link

PS: O Post que fiz segunda feira, era partida de 1 de Abril ;) Por isso não respondi aos comentários àquele post: Lairs --> Liars :P


Tuesday 10 April 2012

Gantz


Título Original: Gantsu
Director de Animação: Naoyuki Onda (Wolf's Rain, Ergo Proxy, Steamboy, Karas)
Data de Estreia: 12 Abril 2004
País de Origem: Japão
Episódios: 13 + 13

Sinopse:
Kurono Kei é o típico estudante preso num mundo egoísta, sem se importar com mais ninguém a não ser ele mesmo. Porém, por um golpe do acaso, é forçado a ajudar um amigo de infância, que acabou de encontrar, Katou Masaru. Os dois salvam um bêbedo que caiu nos carris do Metro enquanto uma multidão assiste impávida e serena, registando tudo com telemóveis e câmaras fotográficas... e assim as suas vidas são ceifadas por um comboio de alta-velocidade.
E assim dois jovens estudantes perdem a vida... ou não!


Mal são abalroados pelo comboio, Kei e Katou são teletransportados para um apartamento selado, com outras pessoas que também morreram recentemente. A partir de agora as suas vidas são controladas por uma misteriosa esfera negra, no centro desse mesmo apartamento, chamada GANTZ, e todos sem excepção são obrigados a entrar num "jogo" extremamente perigoso e letal.

Comentário:
Esta adaptação do manga de Hiroya Oku, com o mesmo nome, foi levada a cabo, pelos estúdios GONZO e dirigida por Ichiro Itano (Macross e Cowboy Bebop). O anime está dividido por duas temporadas( "The First Stage" e "The Second Stage"), cada uma delas com 13 episódios de cerca de 23 minutos de duração.
A animação mistura elementos realistas (cenários, CGI, incorporando mesmo fotos reais), muito na linha do próprio manga. Os personagens mantiveram-se extremamente fieis ao manga, e a ordem dos sucessivos combates foi mantida...devido ao público alvo da série e ao próprio conteúdo, a história do anime não sofreu com o mal mais comum de todas as mangas de sucesso: os infindáveis ciclos de fillers (episódios, que só existem no anime, para introduzir um ou outro ponto de vista ou história secundária que não interfere directamente no desenvolvimento da história principal).  Foram 26 episódios com uma animação impecável, com muito gore e com a capacidade de tocar cada um dos espectadores...

Gantz tem a particularidade de ser uma série quase única no universo sci-fi Japonês, com personagens extremamente complexos, mas credíveis. Cada um com o seu dilema, Katou não consegue matar nenhuma criatura, Kurono tenta corresponder a todas as expectativas dos outros, deixando as suas para trás e Kishimoto tenta ultrapassar um erro de GANTZ e lidar com a sua nova liberdade.  Mesmo apesar do tom quase esquizofrénico dos pensamentos dos personagens, mesmo apesar do terror de toda a situação em que os personagens se encontram contra a sua vontade, em nenhum momento o espectador se sente desligado do drama vivido por aqueles personagens tão iguais a nós...

Aquando da sua exibição nas televisões japonesas GANTZ foi fortemente censurado, devido às cenas de violência extrema e sexo explícito. Contudo, na edição DVD, a série não está censurada, mostrando tudo conforme foi escrito e sendo mais fiel ao manga.

Classificação: 9/10
Nota: Artigo originalmente escrito e publicado no blog Bela Lugosi is Dead, onde colaborei durante uns tempos.

Saturday 7 April 2012

Boa Páscoa!


Boa Páscoa!

E que melhor forma de celebrar a Páscoa do que com um dos famosos ovos Fabergé?! São pequenos, preciosos, e dentro cabe o mundo todo... muito parecidos com o maior vício que esta blogger tem, os livros! ;)

Friday 6 April 2012

Sigur Rós - Valtari


Como nem só de livros e filmes/séries vive esta blogger, e para celebrar o lançamento do novo CD - depois de há uns anos terem anunciado um hiato nos trabalhos da banda em 2009 - hoje dedico este post aos Sigur Rós.

Conheci o trabalho da banda no longínquo ano de 2005, quando conheci a música Glosóli do álbum Takk e a partir desse momento nunca mais andei sem músicas deles no meu leitor de música ou sem um cd no leitor do meu carro, neste momento tenho o CD do vocalista Jónsi, Go do ano 2010 a fazer-me companhia.

Aquando do lançamento do projecto a solo de Jónsi, foi anunciado um hiato de tempo indeterminado o que me fez ficar um tanto ao quanto preocupada com o futuro do projecto Sigur Rós, mas este ano divulgaram o lançamento de Valtari e depois de ouvir a primeira música que disponibilizaram no site oficial da banda, tenho que dizer que foi como se não tivesse havido pausa alguma! :)

   

Wednesday 4 April 2012

Total Recall - Trailer


Euroamerica (formada pelos Estados Unidos da América e pela Europa) e New Shanghai (formada pela China e pelo Sudoeste Asiático) lutam pelo poder político no distante ano de 2084. Um simples trabalhador fabril sofre terríveis pesadelos recorrentes, e começa a suspeitar que é um espião cujas memórias e personalidade foram apagadas e substituídas - apesar de não ser capaz de discernir qual o lado em que está e quão importantes as suas memórias podem ser...

Inspirado no conto de Philip K. Dick, "We Can Remember It For You Wholesale", publicado pela primeira vez em Abril de 1966 na The Magazine of Fantasy & Science Fiction. Este filme é o remake de Total Recall de 1990 com Arnold Schwarzenegger no papel agora interpretado por Farrel.

O elenco conta com Collin Farrel e Kate Beckinsale nos principais papeis. E tem data de estreia em Portugal a 16 de Agosto de 2012.


Monday 2 April 2012

Lairs of Lady Po - Novo Livro de Rowling

A primeira imagem oficial do novo livro de J.K. Rowling

Há cerca de um mês foi anunciado que a autora da Saga Harry Potter estava a preparar m novo livro e desta vez seria direccionado a um público mais adulto (penso que a autora está a tentar manter captivos os fãs da série que cresceram com Harry, Hermione e Ron). 

O pouco que se sabe do livo, é que sairá no fim do ano e agora temos um título:

Lairs of Lady Po

Now let all the speculation begin...


Do comunicado de imprensa divulgado pela nova editora de Rowling, Little, Brown & Company:

"It has become tradition for Ms. Rowling when announcing her projects to always have a bit of mystery at the onset.'Lairs of Lady Po' is no different. We look forward to seeing how her fans react to the image."

Fonte: Mugglenet

Thursday 29 March 2012

Mortal Instruments - Filme


The Mortal Instruments, o filme foi trazido de volta à vida, isto depois de Lilly Collins regressar ao papel da personagem principal da saga, Clary Fray.

Já em 2010 se falava de Lilly Collins como Clary no primeiro filme, adaptação do livro City of Bones, da autora Cassandra Clare mas devido a outros compromissos a actriz teve de abandonar o projecto, que ficou em suspenso até que Lilly Collins voltou a anunciar que está a bordo.

O director que para já se fala, é Harald Zwart, que dirigiu o remake de Karate Kid em 2010. Juntamente com a Constantin Film e a Unique Features parece que finalmente adaptação para o grande ecrã do primeiro livro da saga The Mortal Instruments está no bom caminho.

O argumento estará a cargo de Jessica Postigo e I. Marlene.

Os primeiros trabalhos para City of Bones, estão programados começar em 15 de Agosto deste ano na cidade de Toronto.

Portanto quem não leu esta saga, é melhor correr para uma livraria (eu incluída neste grupo, apesar de estar a acompanhar a saga de Cassandra Clare, The Infernal Devices)...
Fonte: Filmofilia

Tuesday 27 March 2012

In My Mailbox (9)


Ora bem aqui está mais uma In My Mailbox, os CTT este mês têm andado um bocadinho mais lentos que o costume, esta encomenda foi enviada no dia 29 de Fevereiro e só chegou há 2 dias :O

Mas já está aqui tudo comigo, ficando só a faltas algumas pré-compras que fiz e que deverão chegar lá para Abril :|

Na foto falta o número 8 da Steampunk Magazine, cujo comentário poderão ver daqui a uns dias na Clockwork Portugal.
  • Sea Fever, de Virginia Kantra
  • Firelight, de Kristen Calihan
  • Shifter, Antologia de Angela Knight, Lora Leigh, Alissa Day e Virginia Kantra
  • Love Bites, de Lynsay Sands
  • Steampunk Magazine #8
E vocês que receberam nas vossas caixas de correio?

Friday 23 March 2012

The Hunger Games

 

Título Original: The Hunger Games
Realizador: Gary Ross
Ano de Estreia: 2012

Sinopse:
Num futuro pouco distante, a América do Norte colapsou, fragilizada pela seca, fogo, fome e guerra sendo substituida por Panem, um país dividido em 12 distritos e no Capitólio. Todos os anos dois jovens representantes de cada distrito são seleccionados por sorteio para participar nos "The Hunger Games".

Quando a irmã mais nova de Katniss (Jennifer Lawrence), Prim, é seleccionada para representar o seu ditrito, Katniss oferece-se como voluntária para substituir a irmã. Ela e o seu companheiro Peeta (Josh Hutcherson) terão agora de encarar adversários bem mais fortes e preparados para os "The Hunger Games".

Comentário:
Fica desde já o aviso da praxe, não vou ser capaz de ser objectiva quanto a este filme, pois os livros que o inspiraram foram sem sombra de dúvida livros que me marcaram de forma indelével e que durante muitos anos irão acompanhar-me.

Parti para este filme com muitas expectativas, altíssimas expectativas, acompanhei passo-a-passo a divulgação sucessiva de imagens, posters, trailers e featurettes. Fiquei sempre com a impressão que os actores que interpretavam Peeta e Gale estavam trocados (não me perguntem porquê mas tinha essa impressão), até que chegou o dia 22 de Março...

Se disser que mal o filme acabou e as luzes do cinema se acenderam estava apaixonada pelo filme, seria mentira, quando as luzes se acenderam fica o sentimento de vazio e depois, muito lentamente, sem que nós nos apercebamos vem uma onda de emoções que me apanhou despercebida e de repente o filme adquire toda uma nova dimensão (dimensão essa que poucos filmes do género são capazes de recriar): dimensão emocional.

The Hunger Games, é um filme exigente que nos leva numa viagem desde a pobreza extrema e fome do Distrito 12 até à exuberância extrema e desmedida do centro nevrálgico de Panem, o Capitólio. E aqui é que reside o sucesso desta adaptação: o realizador, com a ajuda do argumento da própria Suzanne Collins, conseguiram transformar o discurso directo dos livros em linguagem cinematográfica capaz de transmitir a forma voyerista como o Capitólio trata os Hunger Games, do alto da sua arrogância de vencedores de uma guerra há muito combatida e como obriga os restante distritos - que têm mais no que pensar, sendo a sobrevivência mais importante que ver os seus filhos morrerem em directo, com direito a comentários anedóticos e replay e por vezes quando a situação o pede em slow motion para que nenhum dos pormenores escape aos olhos ávidos dos habitantes do Capitólio - vencidos, oprimidos a ver tudo de forma obrigatória!

O elenco foi irrepreensível, sou incapaz de apontar uma única falha ao elenco. Adorei as tidbits que Collins deixou aos leitores da saga, adorei que ela nos desse a conhecer melhor a visão do Haymitch em relação à vida exuberante do Capitólio e à forma desapegada como vivem os Hunger Games. Esse vislumbre humanizou o personagem e ajudou-me, enquanto fã da saga, a materializar melhor os demónios que assombram o mentor do Distrito 12.

Só tenho um ponto a apontar a Gary Ross é o uso e abuso do estilo de "câmara ao ombro" (cujo exemplo clássico é o Blair Witch Project), durante o desenrolar dos jogos é justificável e claramente só ajuda a entrar no estado de espírito dos Tributos, mas em cenas mais calmas como no início do filme, achei que era excessivo, chegando mesmo a causar algum desconforto (lembrei-me muitas vezes dos infames glares na mais recente adaptação de Star Trek ao grande ecrã).

Resumindo e concluindo este meu rant que já vai longo, The Hunger Games é um filme incontornável neste ano de 2012 que se espera recheado de boas surpresas cinematográficas. Não, não é nem será o próximo Twilight pois Katniss tem personalidade para dar e vender...

É daqueles filmes que recomendo que vejam na sala de cinema, para quem já leu os livros e para quem não leu. Um conselho para quem já teve a oportunidade de ler a saga, não entrem na sala à espera de uma adaptação fiel, feita a papel químico, isto porque passar os livros de forma tão directa não iria resultar no silverscreen.



Classificação: 8/10

Thursday 22 March 2012

The Hunger Games - Estágio


Para os mais distraídos, hoje estreia o filme The Hunger Games, a adaptação da saga best-seller de Suzanne Collins.

Devo confessar que já há uns tempos que não ficava com este nervoso miudinho por causa de um filme (pensando assim rapidinho, o último que me lembro é o Harry Potter, mas aí o nervoso era por esse filme marcar o final de uma era para mim e para a geração Potter)... Talvez algo semelhante me tenha acontecido com o Senhor dos Anéis, o querer conhecer os personagens que acompanhamos ao longo da saga, querer conhecer os lugares em que vimos tanto acontecer, o conseguir detectar todos os pormenores nos trailer, mesmo aqueles que quem não leu deixa passar pois não são nada de extraordinário (como uma flor na lapela do Presidente Snow, quatro notas assobiadas de quando em vez, entre muitos outros pormenores que não vou estar a enumerar correndo o risco de spoilar alguém).

Não consegui bilhetes para a ante-estreia, mas who cares, arranjei um grupo de fãs, também eles ansiosos por ver a adaptação dos Hunger Games ao grande ecrã e feitos excursionistas com os seus baldes de pipocas aqui vamos nós logo à noite assistir à abertura dos 74º Hunger Games dos Distritos de Panem...

May the odds be in our favor... ou então será a desilusão do século!

Wednesday 21 March 2012

Abraham Lincoln: Vampire Hunter (2)

 (IMDB)
Mais um trailer para a adaptação do livro Abraham Lincoln: Vampire Hunter, escrito por Seth Grahame-Smith. O argumento ficou  cargo de Grahame-Smith... espero por Agosto para ver o que resultou da parceria com Tim Burton.
 
Sinopse:
Indiana, 1818. 
Abraham Lincoln com apenas 9 anos assiste à morte da própria mãe... uma morte terrível causada por vampiros.

A partir do momento em que descobre a verdade, Abe dedica-se de corpo e alma à destruição das criaturas sobrenaturais que encontra no seu caminho. A vingança tem um nome, Lincoln e a sua arma um machado.
Tem estreia nas salas de cinema nacionais a 2 de Agosto de 2012. 
 

Tuesday 20 March 2012

Prometheus

(IMDB)

A prequela da mítica saga Alien está já no virar da esquina e pelos trailers e imagens da produção, o filme promete!

Sinopse:
Uma equipa de exploradores descobre novas e revolucionárias provas para a origem da Humanidade, no planeta Terra, levando-os aos recantos mais escondidos do Universo. Aí, este grupo de exploradores tem que lutar uma das batalhas mais importantes de sempre, cujo desfecho irá decidir o futuro da raça humana.


Data de estreia em Portugal: 7 de Junho de 2012

Monday 19 March 2012

Dark Shadows

(IMDB)

Sinopse:
No ano 1752, Joshua e Naomi Collins, juntamente com o seu jvem filho Barnabas, partem de Liverpool, para começar uma nova vida na América. Mas nem um oceano é distância suficiente para fugir à estranha maldição que afecta a família Collins.

Duas décadas depois Barnabas (Johnny Depp) tem a cidade de Collinsport, Maine a seus pés, como dono da mansão Collinwood, Barnabas é rico, poderoso e um playboy incorrigível... até ao dia em que comete o erro de quebrar o coração de Angelique Bouchard (Eva Green). Ela é uma bruxa e com os seus poderes, ela condena-o a um destino pior que a morte: transforma Barnabas num vampiro, e depois enterra-o vivo.

Dois séculos mais tarde, Barnabas é libertado do seu túmulo e mergulha no ano de 1972. Quando regressa a Collinwood Manor, descobre a sua grandiosa mansão arruinada e que os seus descendentes são... especiais.

 Série de 1966
(IMDB)




Estreia em Portugal: 10 de Maio

Friday 16 March 2012

Booking Through Thursday - Lessons

Have you ever used a book to instruct someone of something or is there anyone for whom you would like to do that? (I don’t mean a text book for a class, but a work of fiction or non-fiction that would get a certain message across either through plot or character). What is the book and what do you wish to impart?

A semana passada não houve Booking Through Thursday por estas paragens, porque era uma repetição de um que fiz há uns tempos e achei que seria redundante voltar a falar sobre o tema ;)

O tema desta semana é muito interessante, é suposto falar sobre livros que usemos para tentar transmitir uma ideia, ou livros que foram tão importantes na formação das nossas personalidades que não perdemos nenhuma oportunidade de os recomendar, emprestar ou "impingir" :)

Eu tenho três livros que não consigo resistir a recomendar:

- Saga Harry Potter - Por mostrar o valor da amizade, da família e que sem sacrifícios não conseguimos fazer o que realmente interessa. E por um milhão de outras coisas que já tive a oportunidade de explorar neste meu cantinho blogosférico...

- A Sociedade Secreta da Tarte de Casca de Batata - Um livro sobre como a paixão por livros consegue juntar as pessoas mais improváveis. Este livro é uma das minhas escolhas recorrentes quando tenho de oferecer um livro a outro bibliófilo. É o livro perfeito para transmitir e explicar o que é o amor pelos livros...

- O Silmarillion -  Deixo o Silmarillion para último pois é o livro que mais me marcou e ajudou a criar a pessoa que sou. É o livro que provocou uma epifania na minha vida e me fez entender a importância das escolhas. E que por vezes não fazer uma decisão, não tomar uma acção pode ter resultados mais catastróficos que uma tomada de posição errada. Não é um livro para qualquer um, é um livro que foi compilado pelo filho de Tolkien, Christopher, a partir dos escritos dispersos que o pai deixou, além disso é um livro denso e carregado de mitologia...

Wednesday 14 March 2012

Clockwork Portugal


E apresento o responsável desta minha ausência...a nova comunidade Steampunk de Portugal, a Clockwork Portugal.

Eu e a Sofia Romualdo tomamos nas nossas mãos a criação de centro em redor do qual podemos agregar a dispersa comunidade Steampunk portuguesa e promover a estética de todas as formas que possamos imaginar (e acreditem no que vos digo, a nossa imaginação não tem limites).

O site da Clockwork Portugal terá opiniões, vídeos, música e partilha de eventos relacionados com este género / estética, que promete dar muito que falar num futuro muito próximo. A equipa por detrás do Clockwork Portugal está também envolvida com a organização da participação portuguesa na Euro Steam Con, este evento foi mesmo o catalisador de todo este buzz por terras lusas.

Podem encontrar a Clockwork Portugal nas principais redes sociais:


Visitem-nos por lá, e preparem-se para um dos eventos do ano!

Tuesday 13 March 2012

Rurouni Kenshin - Live-action


O antigo assassino (battosai) Kenshin Himura (Takeru Sato) transformou-se num vagabundo que vagueia de cidade em cidade, observando a destruição causada pelas guerras em que combateu. Nas suas viagens oferece ajuda e protecção a quem precisa, como retribuição por todo o sangue que ajudou a derramar.

Nas suas viagens, Kenshin conhece e ajuda Kaoru Kamiya (Emi Takei) manter a escola de kendo,  Kamiya Kasshin-ryu em Tóquio, que o pai dela abriu antes de morrer.Kaoru, agora a Mestre do dojo, convida Kenshin a ficar com ela e a ajudá-la a trazer a honra de volta para asartes marciais. Apesar da vida simples, longe da guerra, Kenshin continua a ser assombrado pelo seu passado violento...

Este filme, é baseado no manga popular "Rurouni Kenshin" escrito e ilustrado por Watsuki Nobuhiro - publicado na Weekly Shonen Jump de 2 Setembro de 1994 a 4 de Novembro de 1999. Foi posteriormente adaptado ao pequeno ecrã, com 6 OVA's, 1 filme e cerca de 100 episódios.
Tem estreia marcada para 25 de Agosto no Japão. 



Uma nota:
É um dos anime/manga que mais me marcou, ainda hoje faz parte do Top 3. Vamos lá ver o que sai daqui... por isso um grande *squeee* para o Kenshin!

Thursday 8 March 2012

Martin is Coming


Foi hoje anunciado o plano de festas para a visita de George R.R. Martin em Abril. 
Dia 20 estará no Porto, na Fnac do Norteshopping. Eu estarei por lá e vocês?

Saturday 3 March 2012

Booking Through Thursday - Different Kind of Romance

Have you ever fallen in love with a fictional character? Who and what about them did you love?

 *rufo de tambores*

Quem aparece neste livro? Quem é? Quem é? Sirius Black... O personagem ficcional por quem ainda nutro um carinho muito especial é o personagem trágico da saga Harry Potter da J.K. Rowling.

O que me fez gostar tanto deste personagem foi em primeiro lugar o sentido de sacrifício trágico que o Sirius tem, depois toda a aura de bad boy que cultivou à volta dele a vida toda, apesar de ser dos amigos mais leais que uma pessoa pode desejar ter ao seu lado.

Ainda hoje não me conformo (não digo mais para não spoilar ninguém que ainda não tinha lido a saga)

Friday 2 March 2012

The Hobbit

(IMDB) (Página Oficial)

A nova produção de Peter Jackson passada na Terra Média, será dividida em duas partes e já tem trailer para aguçar a nossa curiosidade... devo dizer desde já que quando vi o trailer pela primeira vez quase me deu uma coisinha em plena sala de cinema.

Tem data de estreia para 14 de Dezembro nos EUA.


Monday 27 February 2012

The Raven


Os últimos dias da vida de Edgar Allan Poe (John Cusack), o filme acompanha a investigação de uma série de homicídios que copiam as mortes descritas pelo escritor nos seus livros. Começa acontagem decrescente numa luta desigual entre um serial killer e um dos escritores mais famosos e marcantes da literatura gótica e de terror.

Tem data de estreia marcada para 27 de Abril nos EUA.


Friday 24 February 2012

Booking Through Thursday - Blogs

What do you look for when reading a book blog? Does the blogger have to read the same genre? Do you like reviews? Personal posts? Memes? Giveaways? What attracts you to a book blog? And–what are your favorite book blogs?

Este BTT é um dos interessantes...
Coloca boas questões e faz refletir um bocadinho sobre aquilo que faço todos os dias... bloggar.

Então mas o que procuro eu quando parto à descoberta de novos blogs? E quais é que adiciono à minha lista de feeds?

1º - Actualizações frequentes - sinceramente não gosto muito de seguir blogs que são actualizados de muito longe a longe (a não se que seja esse o seu objectivo e natureza)
2º - Conteúdo interessante e original - há pouco tempo fiz uma limpeza ao meu google reader, tinha imensos sites/blogs que muitas actualizações faziam mas poucas eram de conteúdo original (maior parte dos conteúdos era publicidade ou press releases iguais a meia centena de outros posts em meia centena de blogs)
3º - Gostos semelhantes - Claro que preciso de ter algo em comum com o blogger, seja interesses, gostos ou mesmo relações de afinidade que fui construindo nestes meus anos de blogger
4º - "Ser Pessoal e Intransmissível" - Adoro quando um blogger se mostra, nem que seja um bocadinho. Um blog é algo pessoal, algo quase íntimo, um vislumbre da vida de alguém (ou de uma parte da vida, no meu caso as minhas obsessões/paixões), adoro ler um post e mesmo quando retirado do blog ser capaz de identificar o seu autor. Tratar blogs como se de uma redação profissional se tratassem, é uma falácia, pois para essa abordagem existem profissionais perfeitamente habilitados. A escolha de ter um blog é mesmo dar asas às nossas personas, dar as nossas opiniões viased pelos nossos gostos e experiências. Blogs com pretensão a serem algo mais ou com interesses obscuros por trás nem entram na minha lista de feeds.

Os meus blogs favoritos e aqueles que sigo de forma assídua são os que se encontram do lado esquerdo do meu próprio blog. É tudo gente boa, interessante e muitos são tão originais que nem sei bem onde vão desencantar as coisas :P

Thursday 23 February 2012

J.K. Rowling volta a publicar

 Bem Potterheads e gente crescida (ou não) preparem-se, que hoje a J.K. Rowling e a sua nova editora anunciaram que teremos um novo livro, desta vez para os mais crescidos de uma das escritoras mais marcantes do século!


Ainda não se sabem muitos pormenores: título, tema, data definitiva de publicação a não ser que será para um público-alvo mais adulto. Fica apenas a promessa de ainda este ano serem divulgados mais pormenores.

O comunicado de imprensa de Rowling elogia o trabalho da sua editora que a acompanhou ao longo da saga Potter e justifica a mudança para  Little, Brown:

Although I’ve enjoyed writing it every bit as much, my next book will be very different to the Harry Potter series, which has been published so brilliantly by Bloomsbury and my other publishers around the world. The freedom to explore new territory is a gift that Harry’s success has brought me, and with that new territory it seemed a logical progression to have a new publisher. I am delighted to have a second publishing home in Little, Brown, and a publishing team that will be a great partner in this new phase of my writing life.
Fonte:

Wednesday 22 February 2012

The Legend


Nome Original: Tae Wang san sin gi aka The Legend ou The Four Gods
País de Origem: Coreia do Sul
Ano de Estreia: 2007 (MBC)
Nº de Episódios: 24 + 2 Special (c.1h)
Sinopse:
Esta série retrata a vida do 19º rei de Goguryeo, Hwanwoong, enviado pelos céus para fazer do mundo um lugar melhor. Numa volta do destino, o Rei Celestial apaixona-se por uma mortal (Saeoh) e juntos concebem um filho. A sacerdotisa da tribo que anteriormente governava o mundo, e o mantinha em guerra para conquistar cada vez mais poder, mata o filho de Hwanwoong, provocando a quase destruição do Mundo pela raiva incendiária de Saeoh, a encarnação da Fénix.
Devastado pelo desgosto, o Rei Celestial abandona o Mundo à sua sorte, para recuperar com a ajuda dos seus quatro Guardiães Sagrados, profetizando o Regresso do Rei Jooshin, que irá fazer aquilo que não conseguiu, reunir os povos do Mundo, sob a bandeira da Paz.

Comentário:
Depois de Winter Sonata, The Legend faz claramente parte do pelotão da frente da “Korean Wave” que tomou o mundo de assalto a partir de 2002, e Bae Yong Joon é, sem sombra de dúvidas o seu Arauto.

Com um orçamento multimilionário de cerca de 45 mil milhões de won (c.30 milhões de euros), veteranos da indústria, estreias, efeitos especiais inéditos numa produção para a televisão Sul-coreana e a forma séria como o mito da fundação da Coreia é tratado, abordando os elementos fantásticos com respeito e rigor histórico.

The Legend, marca, o ponto de viragem para todas as séries Sul-coreanas, abrindo caminho para produções multimilionárias e com os olhos no mundo e na exportação. Passando de produtor de séries dúbias e dramáticas, muito ao jeito das telenovelas brasileiras (com histórias rebuscadas, baseadas em clichés típicos e paixões condenadas) para produções sérias, profissionais, com o propósito de espalhar a Cultura Coreana um pouco por todo o Mundo.

Temos portanto, à nossa frente, mais de 24 horas do melhor que a Coreia do Sul tem para oferecer em termos técnicos. Esta produção foi de tal forma bem sucedida que firmou a cadeia televisiva MBC, como líder nos dramas de época. Fez eclipsar uma carreira brilhante de Bae Yong Joon, que devido ao histerismo gerado à sua volta se mudou de armas e bagagens para o Japão, abandonando a carreira de actor, temporariamente, e lançou uma série de estreantes para o estrelato (Yoo Seung Ho (Príncipe Damdeok jovem) e Lee Ji-ah(criada na Califórnia e estreante no mundo da representação com The Legend).

Apesar de alguns deslizes na prestação de Bae Yong Joon e o pormenor de estar a interpretar um personagem quase 20 anos mais novo (nos primeiros episódios, pelo menos) e de isso dolorosamente se notar, não deixa de ser um trabalho marcante na longa carreira do veterano. Apesar de um elenco com uma série de veteranos (Kim Mi-kyeong- Shadowns in the Palace; Jang Hang-Seon – Ghost House, The Devil's Game; Gumiho's Revenge; só para enumerar alguns) é sem dúvida o carisma e o talento dele que conseguem segurar e levar a bom porto a mega-produção que nos últimos episódios atingiu uma cota de quase 40% dos espectadores sul-coreanos, e foi exibida nas televisões Japosesas com igual sucesso, sendo inclusivamente editado para uma saga de filmes a serem exibidos nos cinemas japoneses.

A Banda Sonora foi composta e dirigida por Joe Hisaishi, o génio por trás das bandas sonoras para Myizaki (Viagem de Chihiro, O Castelo Andante, Nausicäa), e uma vez mais deu provas do porquê de ser considerado um dos melhores maestros/compositores e também dos mais perfeccionistas, dentre todos os que produzem Bandas Sonoras para produções de cinema e televisão.

Os actores, as equipas técnicas e o corpo de directores, realizadores e argumentistas foram extensivamente premiados pelo trabalho desenvolvido durante os quase dois anos de produção de The Legend.

Melhor Episódio: 11

Classificação: 7/10

Nota: Artigo originalmente escrito e publicado no blog Bela Lugosi is Dead, onde colaborei durante uns tempos.






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...